Back to All Events

24 de maio – Quarta-feira – Mistérios Gloriosos

Saudação inicial

A – Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo.
T – Amen.
A – Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo
P – para sempre seja louvado com sua Mãe, 
Maria Santíssima.

Responsório do Centenário das Aparições

A – Em Fátima, há cem anos, a Mãe de Jesus
apareceu aos Pastorinhos Lúcia, Francisco e Jacinta.
T – que todos acreditem | que Vossemecê nos aparece. 
A – Nossa Senhora disse: 
Não tenhais medo! Eu não vos faço mal!
T – que todos acreditem | que Vossemecê nos aparece. 
A – Lúcia perguntou: De onde é Vossemecê?
T – que todos acreditem | que Vossemecê nos aparece. 
A – Nossa Senhora respondeu: Sou do Céu.
T – que todos acreditem | que Vossemecê nos aparece. 
A – E Lúcia perguntou: E que é que Vossemecê me quer?
T – que todos acreditem | que Vossemecê nos aparece. 
A – Nossa Senhora respondeu: Rezem o Terço todos os dias,
para alcançar a paz no mundo.
T – que todos acreditem | que Vossemecê nos aparece. 
A – Nossa Senhora disse: 
Não desanimes. Eu nunca te deixarei.
T – que todos acreditem | que Vossemecê nos aparece. 
A – Nossa Senhora disse: O meu Imaculado Coração
será o teu refúgio e o caminho que te conduzirá até Deus.
T – que todos acreditem | que Vossemecê nos aparece. 
A – Ave-Maria…
T – Santa Maria…
A – Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo
T – como era no princípio, agora e sempre. Amen.

Diz-nos o Papa Francisco

Meditemos com admiração e gratidão o grande mistério da ressurreição do Senhor. A vida venceu a morte. A misericórdia e o amor venceram sobre o pecado! Há necessidade de fé e de esperança para se abrir a este novo e maravilhoso horizonte. E nós sabemos que a fé e a esperança são um dom de Deus, e devemos pedi-lo: «Senhor, concede-me a fé, concede-me a esperança! O Senhor ressuscitou no meio de nós!» 
Somos chamados a redescobrir e a acolher com particular intensidade o anúncio confortador da ressurreição: «Cristo, minha esperança, ressuscitou!». Se Cristo ressuscitou, podemos olhar com olhos e o coração novos para qualquer evento da nossa vida, até para os mais negativos. Os momentos de escuridão, de fracasso e até de pecado podem transformar-
-se e anunciar um caminho novo. Quando tocamos o fundo da nossa miséria e da nossa debilidade, Cristo ressuscitado dá-nos a força para nos erguermos. Se nos confiarmos a Ele, a sua graça salva-nos! O Senhor crucificado e ressuscitado é a revelação plena da misericórdia, presente e ativa na história. Eis a mensagem pascal que ressoa.
A Virgem Maria nos conceda a certeza de fé que cada passo sofrido do nosso caminho, iluminado pela luz da Páscoa, se tornará bênção e alegria para nós e para os outros, sobretudo para quantos sofrem por causa do egoísmo e da indiferença. Invoquemo-la com fé e devoção.
Regina Coeli
Praça de São Pedro, 28 de março de 2016

Momento de Silêncio

Meditação bíblica e recitação dos Mistérios do Rosário

1.º Mistério | A ressurreição de Jesus
“Ao entrar em casa dela, o anjo disse-lhe: «Salve, ó cheia de graça, o Senhor está contigo»”. (Lc 1,28)

2.º Mistério | A ascensão de Jesus ao Céu
“Por aqueles dias, Maria pôs-se a caminho e dirigiu-se apressadamente para a montanha, a uma cidade da Judeia”. (Lc 1,39)

3.º Mistério | A descida do Espírito Santo sobre Nossa Senhora e os Apóstolos
“E, quando eles ali se encontravam, completaram-se os dias de ela dar à luz e teve o seu filho primogénito, que envolveu em panos e recostou numa manjedoura, por não haver lugar para eles na estalagem”. (Lc 2,6-7)

4.º Mistério | A assunção de Nossa Senhora
“Quando se cumpriu o tempo da sua purificação, segundo a Lei de Moisés, levaram-no a Jerusalém para o apresentarem ao Senhor, conforme está escrito na Lei do Senhor: «Todo o primogénito varão será consagrado ao Senhor»”. (Lc 2,22-23)


5.º Mistério | A coroação de Nossa Senhora como Rainha dos Anjos e dos Santos
“Os pais de Jesus iam todos os anos a Jerusalém, pela festa da Páscoa… Terminados esses dias, regressaram a casa e o menino ficou em Jerusalém, sem que os pais o soubessem”. (Lc 2,41.43)

Depois: três Ave-Marias (intenções de Fátima)
•    Pela paz no mundo, Ave-Maria...
•    Pela conversão dos pecadores, Ave-Maria...
•    Pelo Papa Francisco, Ave-Maria...

Diz-nos o Papa Francisco

Jesus ressuscitou dos mortos; desde então, se aceitarmos ligar-nos à sua Pessoa, as provações e os sofrimentos que vivemos constituem sempre oportunidades que abrem para um futuro novo. 
A Virgem Maria, que, depois de ter partilhado os sofrimentos da paixão, partilha agora a alegria perfeita com o seu Filho, vos proteja e encoraje neste caminho de esperança. Amen.
Homilia da Missa
Estádio de Bangui (República Centro-Africana), 30 de novembro de 2015

E concluamos a nossa oração, 
rezando com as palavras do Papa Francisco

Ajudai, ó Mãe, a nossa fé.
Abri o nosso ouvido à Palavra, 
para reconhecermos a voz de Deus e o seu chamamento.
Ajudai-nos a deixar-nos tocar pelo seu amor, 
para podermos tocá-l’O com a fé.
Ajudai-nos a confiar-nos plenamente a Ele, 
a crer no seu amor, 
sobretudo nos momentos de tribulação e cruz, 
quando a nossa fé é chamada a amadurecer.
Semeai, na nossa fé, a alegria do Ressuscitado.
Recordai-nos que quem crê nunca está sozinho.
Ensinai-nos a ver com os olhos de Jesus, 
para que Ele seja luz no nosso caminho. 
E que esta luz da fé cresça sempre em nós
até chegar aquele dia sem ocaso que é o próprio Cristo, 
vosso Filho, nosso Senhor.
Amen.
Carta Encíclica Lumen Fidei, n.º 60
29 de junho de 2013

Conclusão

A – Nossa Senhora do Rosário de Fátima,
T – Rogai por nós.
A – Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo.
T – Amen.
A – Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo
T – para sempre seja louvado com sua Mãe, 
Maria Santíssima.
A – Bendigamos ao Senhor. Aleluia.
T – Graças a Deus. Aleluia.